19 de fevereiro de 2018

Flores de Inverno - G. L. Durão

Livro: Flores de Inverno 
O Despertar do Pássaro Negro #1
Autor (a): G. L. Durão 
Número de Páginas: 517
Editora: Chiado
Compre aqui.

Sinopse: Anos após uma guerra derradeira que teve como castigo divino o fim da vida no nosso planeta, uma nova sociedade se impõe. Pouco desenvolvida, ignorante perante sua própria história e dividida em três territórios distintos e confrontantes. Nesse cenário, Elliot Graham e Emily Ramsay são obrigados a se casar sob forte pressão do irmão da moça que, sem uma explicação realmente convincente, passa por cima das leis de seu povo para uni-los em matrimônio. Apesar de sentir uma ligação genuína com Elliot, algo que ela mesma não consegue entender, Emily o despreza. Entretanto, quando um misterioso ataque acontece em terras Eules, os dois precisam se salvar em detrimento de seus familiares e juntos fogem para a Abadia de Dalrose, um santuário que esconde segredos macabros, embarcando em uma viagem que testará seus limites, suas crenças, sua capacidade de amar e de odiar.
Em meio a criaturas lendárias, conflitos religiosos e um reino com espíritos escravizados pelo homem, os dois vivem uma paixão inevitável, que somente uma visita ao passado justificará e que será posta à prova quando o destino os colocar em lados opostos, dando-lhes a oportunidade de fazer escolhas e questionar até que ponto suas atitudes interferem no futuro da Humanidade.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Oi gente, hoje trago uma surpresa arrebatadora.

O livro que acabo de ler foi uma bela surpresa e um grande presente neste ano que começa. Falo do primeiro livro da série O Despertar do Pássaro Negro, escrito por Gabriela Durão e publicação da Chiado Editora.

É um livro cheio de mistérios e expectativas que não nos decepcionam. A autora promete ainda mais para os próximos livros e não vejo a hora de lê-los. O enredo nos traz uma perspectiva pós-guerra, onde um castigo divino extinguiu a vida na terra e assim surgiu uma nova sociedade, num mundo novo e cheio de surpresas.

Neste mundo vive Emily Ramsay. Órfã de pai e mãe, ela mora no castelo da família com os irmãos. Eles são Eules, todos rapazes mais velhos, com exceção do pequeno Lean. Assim, ela vive protegida, pois todos temem um ataque iminente dos territórios inimigos. Emily já dispensou a grande maioria dos pretendentes que lhe apareceram, mas ela sabe que uma hora terá de casar, na verdade essa hora já está quase a passar. Assim, quando conhece o primo Elliot Graham, não é de se estranhar que ela também não o queira, pois apesar de muito bem apresentável, ele é um ridículo, debochado e enganador. Ela não o suporta.

Era fácil dizer que sua beleza tinha algum diferencial indeterminado. Prendia meu olhar com um magnetismo descarado e, por mais que tentasse me fixar em outro ponto, acabava, repetidas vezes, hipnotizada nos detalhes de sua escultura bem acabada.

O que Emily não sabe é que, imediatamente após ela rejeitar o que parece ser a melhor proposta que poderia ter, seu irmão mais velho casa-a com o primo odioso. Ela é obrigada a casar com Elliot sem nenhuma explicação mais detalhada de parte do irmão, que passa por cima das leis para uni-la a ele.

Então, numa noite, quando ocorre um ataque muito misterioso ao castelo Ramsay, Emily e Elliot escapam pelos túneis subterrâneos, e isso acaba por uni-los de forma irremediável. Eles conseguem abrigo na Abadia de Dalrose, um santuário que esconde segredos e monges capazes das piores atrocidades. E, assim que escapam do horroroso lugar, embarcam em uma viagem banhada por magia, que fará deles novas pessoas. Eles enfrentarão perigos que os levarão ao limite, deparar-se-ão com seres que abalarão suas crenças e ampliarão, sobretudo, suas capacidades de amar e odiar.

Além de personagens incríveis, nos vemos em meio a criaturas lendárias, conflitos religiosos e um reino com espíritos vivos que estão em meio a disputas políticas e pelo poder. Elliot e Emily viverão uma paixão inevitável, mas com poucos momentos de paz, pois eles são postos em lados opostos quando menos esperam. O destino pode mudar a qualquer instante e dá ou não oportunidade de escolha. Até onde isso tudo pode interferir na sua casa, no seu reino e em toda a humanidade?

Que bela surpresa, que lindeza de narrativa. Mal havia começado a ler e já estava na página duzentos. Estou extasiada com a qualidade da história que começou como um romance medieval, levou-me por terras mágicas (onde relembrei muito a Saga do Tigre de Colleen Houck) e chegou a um final surpreendente e alucinante, onde só posso querer mais e mais.

Flores de Inverno nos traz personagens incríveis, cenários inacreditáveis e seres impossíveis de esquecer. Indico com alegria e satisfação para quem gosta de histórias de fantasia, com muito amor envolvido, mas também muito sangue e batalhas incríveis, que nem sempre são um exército contra o outro.

Quando recebi a proposta da autora de ler a sua obra, jamais imaginei que seria tão bom, que o livro seria tão perfeito. Flores de Inverno me encantou e me deixou querendo mais, foram mais de quinhentas páginas de uma leitura que marca e que, com certeza, me deixou feliz da vida. Agradeço à Gabriela Durão pela oportunidade, virei fã dessa autora maravilhosa.

P.S.: Por favor, não demore com o próximo volume, preciso de mais Emily e Elliot, das corujas, das raposas, das cobras…

Beijinho e até a próxima 😉

O Despertar do Pássaro Negro:
01. Flores de Inverno;
02. Sem título;
03. Sem título.


2 comentários

  1. Olha que surpresa boa em Lu, ainda não tinha ouvido falar desse livro e por essa capa não dava tudo isso por ele e curti, achei a premissa interessante e a trama parece movimentada e com um romance encantador, me animei. Só me diz uma coisa, tem um final fechado, ou é um final muito aberto? você disse que é uma trilogia e pelo visto o segundo ainda não foi lançado né?! <3 Linda resenha e dica Lu... Bjks ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili, o livro é mesmo uma bela surpresa, ele é rico de muitas coisas e o romance é ótimo. Tem sim um final fechado, mas termina com uma bomba, daquelas que acabam com tudo e só conseguimos pensar que precisamos desesperadamente ler o próximo. Torço, de verdade, para que logo logo publiquem o segundo livro. A autora me garantiu que é ainda mais interessante e movimentado que esse... já morri kkkkkkk Beijo e obrigada <3

      Excluir