10 de abril de 2018

A Solidão de Um Lutador - Marta Vianna

Livro: A Solidão de Um Lutador 
Lutadores #1
Autor (a): Marta Vianna
Número de Páginas: 297
Editora: Sonho de Livro
Compre aqui.

Sinopse: Uma família destruída por um pai sem coração. Abandono, sofrimento e muitas adversidades completam a trajetória de vida de Bryan, um lutador famoso que venceu sua pior luta quando aprendeu a se defender ainda criança.
Abandonado por sua mãe em um orfanato, apenas descobriu o que era o amor através das irmãs freiras e de seu amigo, Pablo. Uma forte amizade nasceu entre os dois tornando-os além de amigos, irmãos. Bryan encontrou em seu amigo o que nunca recebeu de seu pai, o afeto, o companheirismo a lealdade.
Com o coração fechado para o amor ele conhecerá Angel, a pessoa que ele mais vai tentar se manter longe por medo de se apaixonar, mas será ela quem trará boas novas sobre sua mãe. Mediante a isso, Bryan conhecerá o amor e ele se verá confuso sem saber o que fazer com esse sentimento que ele mesmo desconhece.
Será que depois disso ele abrirá seu coração para o amor e se deixará ser amado? Será que ele conseguirá superar o medo de ser abandonado novamente?

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, pessoal!

A resenha de hoje é do livro A Solidão de Um Lutador da autora Marta Vianna e publicação da Editora Sonho de Livro.

A Solidão de Um Lutador traz a história de Bryan e Angel. Ele é um famoso lutador do UFC, detentor do título da sua categoria é o melhor no que faz. Bryan é bonito, mas acima de tudo é focado no que quer. Sua carreira vem em primeiro lugar e ainda não nasceu a mulher que irá domar o coração desse lutador, pelo menos é isso o que ele acha.

Angel é uma garota esforçada, trabalhadora, estudiosa e ainda pratica artes marciais. Sua vida não é um mar de rosas, ao contrário, ela tem muitos problemas em casa e não sabe o que fazer para ajudar sua mãe. O seu salário não dá para passar o mês, mas surge uma oportunidade: ser ring girl na luta mais badalada do ano. Lá Angel conhecerá Bryan e sua vida nunca mais será a mesma.

O livro é narrado em primeira pessoa e os capítulos são divididos entre os dois protagonistas. A história é envolvente e cheia acontecimentos nas vidas de Bryan e Angel. Eles são de mundos bem diferentes, mas viverão um grande amor. O início é bastante difícil e, quando parece que tudo irá se ajeitar, mais coisas acontecem.

Bryan foi abandonado num orfanato quando era criança e ele não aceita muito bem esse fato. Os anos passaram e quando ele pode procurar por sua mãe, o fez incansavelmente. Ele é aquele tipo de pessoa que tem um coração enorme, mas não demonstra. Dentro do octógono é implacável, mas fora dele é solitário; as pessoas acham que ele é um boa vida, mas a verdade é que muitas noites ele chora no escuro do seu quarto. Amor e casamento são as últimas coisas na sua lista de prioridades, mas quando isso chega junto com Angel, ele não será capaz de resistir.

A Solidão de Um Lutador é aquele livro cheio de histórias e reviravoltas. A trama prende desde as primeiras páginas e a cada capítulo temos novos fatos. A vida do Bryan é uma caixa de surpresas, coisas que aconteceram no passado irão voltar para atormentá-lo no presente, mas ele terá Angel e o amor dela e com isso poderá superar qualquer coisa.

O livro ainda nos apresenta outros personagens que nos conquistam. Pessoas que ganham nossos corações e que passamos a torcer para que também tenham seu final feliz.

Indico muito a leitura, a Marta é uma autora maravilhosa e que vale a pena ser lida. A Solidão de Um Lutador conquista, encanta e comove.

Leitura recomendada.

Lutadores:
01. A Solidão de Um Lutador;
02. Princesa da Luta.



3 comentários

  1. Histórias de lutadores já me conquistam pela capa haha, nem precisa ler sinopse pra dizer que quero :D :D
    Sobre a resenha, eu curti muito, ainda não tinha ouvido falar da autora ou dessa editora e fiquei feliz em saber um pouquinho mais dessa história e bem curiosa pra conhecer mais dela. Dica ótima, já anotei e surgindo a oportunidade vou querer ler com certeza ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lili!
      Essa autora foi uma surpresa, também não conhecia e curti bastante a história.
      Beijo.

      Excluir
  2. Alguém pode mandar pra mim em pdf

    ResponderExcluir