20 de julho de 2018

Casamento Efémero - Candace Camp

Livro: Casamento Efémero
(A Momentary Marriage)
Autor (a): Candace Camp
Número de Páginas: 391
Editora: Quinta Essência/Portugal

Sinopse: James de Vere sabe que não lhe resta muito tempo de vida. Pelo menos é o que lhe dizem os médicos londrinos. Como é um homem pragmático e racional, decide regressar a Grace Hill, o seu lar. Se o médico de lá não o puder ajudar, tratará de pôr a vida em ordem e aguardar o pior…
Porém, ao chegar a casa do médico, James constata que ele acabou de falecer, deixando uma filha na penúria. James e Laura já se conhecem, mas as recordações do passado não são as melhores… Numa inspiração momentânea, James faz-lhe uma proposta arrojada: estará ela disposta a casar com ele? Ele salvá-la-ia da miséria, ela evitaria que a fortuna dele fosse parar às garras da sua família gananciosa. O casamento solucionaria os problemas de ambos…
E, curiosamente, Laura… aceita! É que ela é também uma mulher pragmática, e não tem quaisquer esperanças de vir a encontrar o amor. Mas, à medida que os dois vão enfrentando as desconfianças da família de James, percebem que têm mais em comum do que imaginavam… e dão por si a ansiar que o tempo pare… e que a morte os separe num futuro bem longínquo.

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

Olá, como vão?

A resenha de hoje é de um lançamento cá em Portugal, um livro muito aguardado por mim, que queria tanto ler Candace Camp e saber mais sobre essa autora tão elogiada nos grupos de romances de época. Casamento Efémero é uma obra recente de uma autora que já escreveu mais de sessenta romances e que tem preferência pelo período da Regência. Candace reside em Austin, Texas, com o marido e a filha que já foi contagiada pelo bichinho da Escrita. Esse livro é uma publicação da editora Quinta Essência.

Lorde James de Vere vive o pior momento de sua vida. Ele tem sintomas que lhe diagnosticam como alguém que não tem muito tempo de vida. Os médicos londrinos reforçam que seu caso é grave e incurável. Pelos exames feitos, James sofre de um tumor no cérebro e é melhor preparar-se para o fim que está bem próximo. Como homem pragmático e racional que é, decide regressar a Grace Hill, o seu lar, e deixar tudo acertado no que diz respeito ao seu testamento e à sua incontável fortuna. Ele se ressente de ter de deixar tudo para os ingratos de sua família, já que ele não possui nenhum herdeiro. Mas uma luz surge em tudo isso, ele soube de um médico que pode ajudá-lo, ou ao menos permitir-lhe um fim não tão sofrido.

Então, assim que chega ao lugar, fica a saber que o tal prodigioso médico morreu há poucos dias e deixou sua única filha toda cheia de dívidas e sem nenhuma condição de se manter. James sabe quem é a moça, é Laura, uma linda mulher que já foi a amada de seu primo, mas as recordações que um guarda do outro não são lá as melhores.

Disposto a tudo para tentar mudar um pouco seu destino e impedir que os abutres fiquem com tudo o que é seu, James faz uma proposta ousada e corajosa a Laura e pergunta se ela está disposta a casar-se com ele. Os benefícios são os melhores possíveis, ela torna-se Lady De Vere, salda todas as suas dívidas, torna-se a única herdeira de uma fortuna imensurável… e assim o casamento soluciona os problemas dos dois...

Curiosamente, com o pensamento fervilhando de dúvidas e incerteza, afinal Laura já conhece James e sabe do que ele é capaz, ela aceita! Laura é também uma mulher prática, que sabe que a chance de encontrar o amor já passou por ela. Assim, ela muda-se para uma casa cheia de parentes indesejados, pessoas más e interesseiras e, à medida que os dois vão enfrentando a doença e as pessoas da família, acabam por ver que têm muito em comum.

Quanto mais convivem, mais se acertam e nasce em James uma vontade de, ao menos, ter mais tempo, nem que sejam alguns meses de vida digna para poder desfrutar de companhia tão boa. Será isso possível? Será que um milagre pode curar James?

Preciso dizer que amei esse livro, amei desde a primeira página… Adorei o enredo tão belo e bem construído, a narrativa divertida, rápida, leve. Os problemas desse casal são muitos e estão muito acima do que meros humanos podem resolver, mas James encontra em seu caminho uma mulher firme, correta, que não vai deixá-lo partir sem dar luta.

Laura é fantástica, uma mulher forte e sensível, uma dama acostumada a ajudar o pai com seus pacientes e esse era exatamente o dom que tanto poderia auxiliar Sir de Vere. São muitos os momentos em que suspiramos, pois James, ao querer salvar Laura, acaba por achar quem vai fazer de tudo para o ver bem.

Temos muito de intriga familiar, mas muito mais de desconfiança com criminosos que habitam a mesma casa. A solução para o amor está diretamente aliada à solução para uma maldade sem tamanho.

Curti demais e acredito que todas as nossas leitoras também adorarão conhecer essa bela história. Espero que não demore a ser publicado no Brasil.

Beijinhos e até a próxima.

Outras capas: 

 


2 comentários

  1. Oi Lu, eu já uns 4 livros dessa autora, todos comprados no sebo e amei dois deles, a escrita dela é super cativante e quase sempre tem um toque de suspense em suas histórias. Eu ficaria bem feliz de vê-la sendo relançada pelas editoras <3
    Sobre a história desse livro, fiquei encantada e até na dúvida se há um final feliz, feliz... espero que sim e espero ter a chance de ler essa história também em algum momento a frente.

    Linda resenha <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili, o livro é lindo do começo ao fim. O final é dos melhores, eu amei essa história, estou com muita sorte esse ano, kkkkk Beijinho e obrigada <3

      Excluir