10 de julho de 2018

Sarilhos com Duques - Grace Burrowes

Livro: Sarilhos com Duques
(The Trouble with Dukes) 
Noivas da Regência #1
Autor (a): Grace Burrowes
Número de Páginas: 333
Editora: Quinta Essência - Portugal 

Sinopse: Dizem as más línguas que o novo duque de Murdoch, Hamish McHugh, é um brutamontes e um assassino. e pior do que isso… escocês!!! Seria impensável deixá-lo sozinho com uma mulher de bem. Mas Meghan Windham consegue detetar em Hamish algo especial…
No campo de batalha não havia guerreiro mais feroz do que ele. Mas o palco de guerra agora é bem diferente: a temporada social londrina! Mas Hamish é capaz de tudo para agradar às suas irmãs… até mesmo ter aulas de dança com a jovem Miss Windham. e embora ela não se deixe intimidar pelo temperamento dele, Hamish pressente que também Meghan trava uma luta…
Por ela, Hamish está disposto a pegar em armas mais uma vez…
Por ela, é bem capaz de perder o coração…
Sarilhos com Duques apresenta-nos a belíssima série Noivas da Regência - bem como a talentosa Grace Burrowes, que depressa se tornará uma preferida dos nossos leitores…

RESENHA por Luciana Corrêa da Silva.

*sarilhos = confusão; trapalhada; situação difícil; complicação; dificuldade...

Olá, tudo bem?

O livro que resenho hoje é Sarilhos com Duques, escrito pela americana Grace Burrowes, uma escritora que ama receber cartas das fãs (para saber mais acesse: www.graceburrowes.com). Este livro é um lançamento cá em Portugal, pela editora Quinta Essência e é uma estreia dessa escritora no país.

Meghan Windham é uma mulher muito especial, não só por pertencer a uma família grande e numerosa, onde todos são respeitáveis e poderosos, mas por ela ser uma mulher incrível, doce e que não liga muito para o que os outros pensam.

Meghan já não é nenhuma menina, na verdade está mais para uma solteirona, mas tem um pretendente que a quer a todo custo. Desde a guerra que ela corresponde-se com o intragável Lorde Pilkington, um homem asqueroso, que jamais deu a ela o devido valor. Assim, agora que a guerra acabou, o salafrário precisa de casar-se com Meghan para pagar credores e continuar gastando como se não houvesse amanhã.

Só que o destino é muito maior que as fofocas que correm à boca pequena entre os salões de bailes lotados da nova temporada londrina. Todos comentam sobre a vida do mais recente duque de Murdoch, Hamish McHugh, um homem alto e forte, amplamente conhecido no campo de batalha por ser um assassino frio e impiedoso. O pior de tudo é que ele é escocês!

Ele não é digno o suficiente para acompanhar nenhuma das moças das boas famílias inglesas, pois muito mais do que um porte altivo e indisfarçável, ele veste-se com seu “mal visto” traje das terras altas. Seu kilt não passa despercebido pelos amplos salões onde a fofoca corre solta. Acontece que Meghan Windham é uma mulher diferente de todas as outras e vê nele algo especial. Seja a postura, seja o olhar de alguém que carrega algo obscuro, Meghan não consegue ficar longe do estranho perigoso…

Meghan Windham fazia Hamish sentir-se como se rodopiar nos seus braços fosse a sua maior delícia, a memória que ela relembraria na velhice para deslumbrar as suas sobrinhas-netas e netas. Ela dançava com a alegria incandescente das luzes do Norte e todo o calor feminino do sol de verão numa costa escocesa.

Hamish era destemido e implacável no campo de batalha, mas agora, em plenos salões lotados da temporada, a coisa é muito diferente. Mas ele tem a obrigação de agradar as irmãs e, agora que é um duque, nada mais pode afastá-lo das aulas de dança e dos chás elegantes, servidos por requintadas senhoras. Assim, o pobre coronel, agora duque, tem de se submeter à companhia inebriante de Miss Windham, que não se deixa intimidar pelo brutamontes de maus modos.

Quanto mais convivem, mais um gosta do temperamento do outro, mas Hamish, astuto como é, percebe que Meghan esconde algo e que ela está muito perturbada por aquele que parece ser seu futuro marido. Por ela, ele está disposto a lutar mais uma vez e libertar a moça da nuvem negra em que se encontra. O que Meghan esconde? Hamish conseguirá passar por cima dos traumas, das fofocas e do preconceito para ajudar a mulher incrível que encontrou o seu caminho?

Eu adorei Sarilhos com Duques e a leitura foi uma grande surpresa, visto que eu não havia lido nada dessa autora. É uma história bem narrada, bem estruturada e que nos deixa com o coração na mão até que as últimas páginas cheguem. As personagens são excelentes e bem-apresentadas, os secundários são participativos e é uma prenda à parte contar com tantos primos e tios superprotetores, além dos pais modernos para a época.

Acredito que esta série fique ainda melhor com os próximos volumes que aguardo ansiosamente por ler. A talentosa Grace Burrowes já conquistou um pedaço do meu coração.

Nem todos os arcos-íris no País de Gales, nem todo o ponche de Natal preparado na sede da família Windham, conseguiam igualar o sorriso de Sua Graça em pura e encantadora alegria. Aquele sorriso deslumbrava, intrigava, prometia… oh, aquele sorriso era arma suficiente contra a dignidade de uma mulher.

Beijinho e até a próxima 😉

Noivas da Regência:
01. Sarilhos com Duques;
02. Too Scot to Handle;
03. No Other Duke Will Do;
04. A Rogue of Her Own.

Outras capas:

 


2 comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. A história parece ser divertida e encantadora e fiquei com vontade de ler também. É maravilhoso encontrar um novo autor que já nos encanta em sua primeira história Lu. Amei a resenha e espero ler o livro também mais a frente ;)

    ResponderExcluir