[RESENHA] No Badalar da Meia-Noite de Tara Sivec


Skoob
Livro: No Badalar da Meia-Noite
(At the Stroke of Midnight)
The Naughty Princess Club #1
Autor(a): Tara Sivec
Número de Páginas: 328
Editora: The Gift Box
Compre aqui.

Sinopse: Era uma vez, Cynthia, a perfeita dona de casa. Entre ser presidente da Comissão de Eventos da Vizinhança e manter a casa sem um fio de cabelo (ou suas pérolas) fora do lugar, sua vida era o sonho que se tornou realidade. O marido fora seu cavaleiro de armadura brilhante, mas agora ele tinha fugido com todo o dinheiro deles... e com a babá.
Vestida como princesa na festa anual de Halloween do bairro em Farytale Lane, ela conhece duas "princesas" que também enfrentam problemas financeiros: Ariel, a dona de uma loja de antiguidades, e Isabelle, uma bibliotecária. Quando as mulheres são convidadas a vestir suas fantasias em uma festa e são confundidas com strippers, Cindy, Ariel e Belle percebem que uma mudança de carreira poderia ser a melhor maneira de fazer seus problemas desaparecerem."
Mas poderia uma recatada Cindy se aproximar de um pole dancing sem seus paninhos de limpeza? E poderia o “anti-príncipe” de olhos azuis que apareceu no caminho de Cindy, ser seu final feliz? 'No Badalar da Meia-Noite' é uma hilária e empoderada história onde princesas podem salvar a si mesmas abalando em seus stilettos.

RESENHA por Katielle Borba.

Oi, gente!

A resenha de hoje é do livro No Badalar da Meia-Noite da autora Tara Sivec e publicação da The Gift Box. O livro é o primeiro da série The Naughty Princess Club.

A série conta a história de três princesas: Cindy, Ariel e Belle. Neste primeiro livro teremos a história da vida perfeita, ou não, da Cinthia, nossa princesa Cindy.

Cinthia é a mulher perfeita, com a vida perfeita, casa perfeita, marido perfeito e filha perfeita. Tudo em sua vida está no devido lugar, até que seu marido perfeito foge com a babá e ainda limpa todas as contas bancárias, deixando Cinthia sem ter como pagar as contas ou ter o que comer. Os dias passam e cada vez mais o desespero vai batendo a sua porta, ela não sabe o que fazer para seguir em frente ou para pelo menos pagar a hipoteca e colocar comida na mesa.

Um belo dia, Cinthia, vestida como princesa, está participando da festa de Halloween do bairro e conhece outras duas princesas que estão passando por situações difíceis também, Ariel e Belle. Elas estão ali, lidando com um monte de gente de nariz empinado e tentando arrumar uma solução para seus problemas, até que são confundidas como strippers por causa de suas fantasias de princesas. Passado o choque elas pensam, por que não? E a partir dai está armada a confusão.

Eu – SOMENTE – amei cada linha deste livro. Fazia muito tempo que uma história tão divertida não me prendia tanto. Devorei o livro em pouquíssimas horas, cada página era uma gargalhada e eu amei isso. O livro é gostoso, divertido e muito viciante. Os títulos dos capítulos me ganharam, afinal, não posso ficar imune a um título igual: “olha o nariz empinado de novo, idiota”.

O livro é da Cindy, mas Ariel e Belle são presenças constantes em toda a trama. As três têm personalidades completamente diferentes e se completam perfeitamente, uma tem o que a outra precisa e elas se apoiam mutuamente. Ariel é uma desbocada (estou ansiosa esperando pelo livro dela) e a Belle é a garota quieta, tímida e muito maravilhosa também.

A situação da Cindy está muito difícil, mas ao lado de suas novas amigas ela encontra forças para seguir em frente. Ariel e Belle estão ao seu lado para mostrar que a vida pode ser divertida, que ela pode se soltar e viver; será um processo complicado, pois durante muitos anos ela foi condicionada a ser a mulher perfeita. Nada na vida dela era fora do lugar, até mesmo os quadros de fotos eram virados todos para o mesmo lado. Para ela é muito complicado ser solta, livre, dona do próprio nariz e da suas decisões. Também temos um homem na vida da Cindy e que HOMEM! JP é um enigma misterioso, delicioso e que abalara a vida da nossa princesa.

Eu amei esse livro!! Ele é tão maravilhoso, tão poderoso que eu só queria abraça-lo depois de terminar. Temos uma personagem que viveu anos presa e que quando descobre sua liberdade e o seu poder é lindo de ver. Esse livro fala do poder da mulher, de fazer escolhas e de ter pessoas ao seu lado que apoiam qualquer decisão que você tomar, mesmo que sua decisão pareça errada aos olhos dos outros. Cindy precisou aprender a não se importar com a opinião das pessoas, ela só precisa se importar com o que era bom para ela e para a filha dela.

Enfim, indico muito a leitura deste livro. Como já deu para perceber amei a história estou louca pelos próximos.

– A vida é uma merda. Os homens são uma merda. Nós, mulheres, temos que nos juntar. Você precisa aprender a não se incomodar com o que as pessoas pensam sobre você e decidir o que fazer com a sua vida, e eu quero ajudar você a fazer isso.
Contornando Ariel, vou para a pilha de roupas bege e pego o máximo de peças que consigo antes de caminhar pelo jardim e ir para a fogueira, onde todas estavam ao redor.
Ariel e Belle se aproximaram, ficando uma de cada lado, enquanto eu jogo tudo na fogueira e sorrio quando as chamas ficam mais altas.
– VAMOS QUEIMAR ESSAS MERDAS! – meu grito faz com que todas ao redor do fogo gritam em comemoração e façam brindes com os copos e garrafas de bebidas.
Belle descansa a cabeça no meu ombro enquanto observa a fogueira com um sorriso no rosto, e Ariel passa um braço ao redor do meu ombro, me dando um apertão.
– Bem-vinda ao lar, Barbie Porra-louca.  Bem –vinda ao lar.

Leitura recomendada.

The Naughty Princess Club:
01. No Badalar da Meia-Noite;
02. Na Cama Com a Fera;
03. Beije a Garota.

Outras capas:


Um comentário

  1. Quero muito. E o melhor é que a editora já divulgou capa dos três e espero e quero muito ler todos. Amei a resenha, fiquei empolgada <3

    ResponderExcluir